Avançar para o conteúdo

Tudo o que precisa saber sobre colchão de casal

Escolher um colchão de casal é o elemento fundamental para garantir uma noite de sono a dois com qualidade. Como é sabido, existem muitos fatores que influenciam o descanso, mas o colchão é o mais importante de todos. Ou seja, é possível compensar praticamente todos os outros elementos, mas nada substitui a falta de um bom colchão e de uma boa cama, adequado ao seu tamanho e peso.

Além disso, se uma boa noite de sono é fundamental para o bem-estar físico e mental, hoje em dia isso ganha importância redobrada. É que o estilo de vida moderno, caracterizado por elevados níveis de stress e ansiedade, afectam determinantemente a qualidade do descanso noturno, especialmente pelo excesso de trabalho e porque o espaço pessoal está cada vez mais contaminado pelo espaço profissional. Por isso, é muito importante investir num bom colchão e, consequentemente, na qualidade do seu sono.

Existem vários tipos de colchão no mercado, com preço e qualidade diferentes. No que diz respeito ao tamanho, conforto, mas também à firmeza ou ao material. Como, por exemplo, colchões de espuma, molas ensacadas, látex… Este deve ser sempre adaptado ao peso e à altura de quem vai dormir nele, seja um colchão de solteiro ou um colchão de casal. Ou seja, este deve ser firme, mas flexível o suficiente, para receber o peso da pessoa e adaptar-se às curvas do seu corpo. Caso contrário, os músculos estão em tensão e a coluna numa posição não natural, levando a dores no dia seguinte e até a lesões que podem ser preocupantes ou duradouras.

Como escolher um colchão de casal

Para quem dorme sozinho, comprar um colchão de solteiro é mais simples. Para um colchão de casal já é necessário ter em conta o peso e a altura de ambas as partes, considerando assim as suas necessidades. Afinal de contas, se vão partilhar a mesma cama, é fundamental que o colchão garanta um sono retemperador aos dois. Uma vida a dois inclui a partilha.

Assim, existem várias opções no mercado no que diz respeito a colchão de casal. Comecemos pelo tamanho. Estes podem ser os tradicionais colchões duplos, com medida standard para as camas de casal. Estes têm 135 centímetros por 200 de comprimento, mas nem sempre este é um tamanho suficiente para um casal descansar e dormir bem. É por isso que muitos casais optam pelo colchão de casal queen size, que tem uma dimensão ligeiramente superior. Esta opção tem 150 centímetros de largura por 200 centímetros.

Mas existem ainda opções maiores no mercado. O colchão de casal king size é um produto cada vez mais popular, além de ser a opção da maioria dos hotéis de 5 estrelas. É ainda a opção recomendada para pessoas grandes, já que têm 180 centímetros por 200 de comprido. Finalmente, mas também uma hipótese a considerar, são os colchões presidential king size. Esta opção é mais incomum, especialmente nos países europeus, mas são os colchões maiores do mercado. É uma opção com 200 centímetros de lado e possibilita uma ótima experiência de descanso a qualquer casal, independentemente do seu tamanho. Contudo, nem todas as divisões são desenhadas a pensar nestas dimensões.

Os diferentes materiais dos colchões de casal

Durante muito tempo, os colchões foram tradicionalmente de molas ou espuma. Recentemente, a tecnologia tem evoluído bastante e feito com que novos materiais fossem introduzidos no mercado, trazendo novas possibilidades de conforto aos consumidores. Hoje em dia, a oferta inclui ainda colchões de látex ou viscoelásticos. E, tal como as dimensões, é fundamental escolher os melhores materiais para garantir uma boa noite de descanso.  

Atualmente, o colchão de casal viscoelástico é provavelmente o produto mais popular. Isto deve-se ao facto de ser um material confortável, que reage muito bem à pressão corporal, recebendo e distribuindo o peso, enquanto se adapta às curvas do corpo. Ao aliviar os músculos e permitindo a coluna repousar naturalmente, o colchão garante uma melhor noite de repouso. Além disso, é uma opção ótima para casais, porque a sua firmeza permite que uma das pessoas se mexa sem que a outra sinta o movimento.

Isso já não acontece tanto no tradicional colchão de molas ou de espuma, se bem que a tecnologia tem evoluído também no sentido de melhorar esses materiais. É que hoje em dia uma das grandes tendências são os colchões de molas ensacadas, o que é também uma opção muito interessante no que diz respeito a colchão de casal. É que esta tecnologia oferece grande resiliência no descanso, já que absorve os movimentos durante o sono, garantindo que a segunda pessoa não acorda. Para casais que se mexem muito durante a noite, esta é uma opção altamente recomendada, já que minimiza este problema e faz com que o sono não seja interrompido.

Dicas e conselhos para escolher um colchão de casal

Assim, é muito importante ter todas estas características em consideração no momento de escolher um novo colchão de casal para a sua casa. Em caso de dúvida deve sempre consultar a ajuda de um especialista, até para prestar esclarecimentos sobre qualquer outra questão. O mercado tem uma oferta crescente, respondendo às reais necessidades dos consumidores.

Assim, além do material e da dimensão do colchão, como mencionámos nos parágrafos acima, tenha também em mente a firmeza do mesmo. Existe muitas vezes a ideia de que, quanto mais firme for, melhor é o colchão, mas esse é um mito. Para um casal de tamanho pequeno, um colchão muito firme torna-se muito alto e não se adapta aos seus corpos, deixando-os em tensão e levando a dores ou lesões musculares. Assim, é fundamental que a densidade proporcione flexibilidade e homogeneidade à superfície do colchão.

Mais importante do que ter em conta os benefícios de um bom colchão é ter noção das consequências de um mau colchão. Comprar um produto desadequado às suas reais necessidades, pode criar problemas de saúde mais ou menos graves, como insónias, cãibras ou dores lombares, além de problemas de circulação sanguínea. Além disso, um mau colchão leva a noites mal dormidas e, consequentemente, a um mau-estar psicológico, que incluir irritabilidade, falta de concentração e problemas de disposição. Quer isto dizer que a compra de um novo colchão de casal pode ser um investimento significativo, mas que justifica largamente a médio e longo prazo, tanto a nível físico quanto mental. Além disso, existem várias formas de pagamento faseado e muitas vezes sem juros e com frete grátis.

Assim fica a saber tudo o que precisa para quando comprar o seu colchão de casal, tome a decisão mais correta. Escolhendo a dimensão mais adequada assim como o melhor material, garantido um sono de qualidade que fará a diferença no seu dia a dia.